top of page
  • Eduarda Delorme

Chatbots: a modernização do atendimento aos clientes

Os chatbots estão em bastante evidência, sendo uma das formas de Inteligência Artificial (IA) mais utilizadas atualmente. Eles revolucionaram a relação das empresas com o mercado consumidor, como no atendimento ao cliente, por exemplo. Mas afinal, o que são esses chatbots?

Eles são programas de computador que simulam uma conversa com um ser humano por meio de uma interface de chat, e são planejados para responder a perguntas e dúvidas dos clientes de forma objetiva e eficiente. Se alimentam com uma série de respostas pré-definidas que correspondem a perguntas frequentes dos consumidores, como horários de atendimento, preços de produtos e serviços, informações de contato e outros assuntos relevantes para o negócio.



tela de computador com chat gpu


Os chatbots também podem ser configurados para reconhecer palavras-chave e frases específicas, permitindo que os clientes tenham respostas mais personalizadas e direcionadas para suas necessidades individuais. Eles funcionam a partir de um conjunto de regras predefinidas ou de uma inteligência artificial mais sofisticada, e podem ser configurados para realizar diferentes tarefas, desde responder a perguntas simples até agendar reuniões ou processar pagamentos.


Assim, revolucionaram a forma de atendimento ao consumidor em diferentes setores, oferecendo muitas vantagens, como o atendimento 24 horas por dia, respostas rápidas e objetivas, redução de custos operacionais, e aumento da satisfação do cliente, melhorando significativamente sua experiência.



mulher lendo livro com celular em cima do livro


Para implementar chatbots nos atendimentos, é importante escolher a plataforma certa e contar com profissionais especializados em tecnologias de IA. É necessário treinar o chatbot para reconhecer as perguntas e dúvidas mais frequentes dos clientes, e para ser capaz de fornecer respostas precisas e relevantes.


Além disso, é fundamental personalizar o atendimento para que os clientes se sintam atendidos de forma exclusiva. A customização do atendimento pode envolver a criação de respostas para perguntas específicas, e também o uso de dados dos clientes, podendo incluir informações como histórico de compras e preferências pessoais.


Dessa forma, para criar um chatbot eficaz, é essencial seguir alguns passos como: definir sua estratégia, desenhar um fluxo de interações para torná-las mais dinâmicas e fluidas, construir diálogos naturais e espontâneos, definir os canais onde o chatbot será publicado, fazer testes para prever possíveis problemas no fluxo conversacional, treinar sua IA, mensurar resultados e fazer melhorias, e utilizar uma plataforma específica para construção de bots.




Apesar dessas mudanças trazerem suas vantagens, o que importa é a opinião do público. Você, como consumidor, o que acha desse tipo de atendimento?


Comments


bottom of page